Afinidade


Recebi o texto de uma amiga...


Não é o mais brilhante, mas é o mais sutil, delicado e penetrante dos sentimentos. Não importa o tempo, a ausência, os adiantamentos, a distância, as impossibilidades.

Quando há AFINIDADE, qualquer reencontro retoma a relação, o diálogo, a conversa, o afeto, no exato ponto de onde foi interrompido.

AFINIDADE é não haver tempo mediante a vida. É a vitória do adivinhado sobre o real, do subjetivo sobre o objetivo, do permanente sobre o passageiro, do básico sobre o superficial.

Ter AFINIDADE é muito raro, mas quando ela existe, não precisa de códigos verbais para se manifestar. Ela existia antes do conhecimento, irradia durante e permanece depois que as pessoas deixam de estar juntas.

AFINIDADE é ficar longe, pensando parecido a respeito dos mesmos fatos que impressionam, comovem, sensibilizam.

AFINIDADE é receber o que vem de dentro com uma aceitação anterior ao entendimento.

AFINIDADE é sentir com...
Nem sentir contra, sem sentir para... Sentir com e não ter necessidade de explicação do que está sentindo. É olhar e perceber.

AFINIDADE é um sentimento singular, discreto e independente. Pode existir a quilômetros de distância, mas é adivinhado na maneira de falar, de escrever, de andar, de respirar...

AFINIDADE é retomar a relação no tempo em que parou. Porque ele (tempo) e ela (separação) nunca existiram. Foi apenas a oportunidade dada (tirada) pelo tempo para que a maturação pudesse ocorrer e que cada pessoa pudesse ser cada vez mais.

imagem: http://azoreanangel.blogs.sapo.pt/arquivo/Amizade1.jpg

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

11 Comments:

Simone said...

oie!!!! estou passeando um pouquinho!!! tentando voltar à vida virtual ativa! bjs

Laura said...

Olá...
Afinidade sem q nada se interrompa durante o período da separação..

Bjosss

Quase Trinta said...

Eu sou uma pessoa priveligiada... tenho amigos com quem tenho afinidade, mesmo q estejamos longe, temos contato diário via net

Cin said...

Lindo o texto.
Bjão!

Mustafa Şenalp said...

çok güzel bir site. :)

Carmim said...

Oi querida. =)
Estou a tentar voltar aos poucos aos blog, tenho muito sobre o que me actualizar e, por isso, passo apenas para deixar um beijo.

Tiago Soarez said...

Eu acho q o mais importante q li nesse texto é q a afinidade e algo raro.

E é mesmo!

Beijos

Sunflower said...

awwww que lindo!

Alice said...

adoreiiiii !!]


bjkasssssssssssssss

Sabrina said...

Eu adoro os escritos do Arthur da Távola... esse, em particular, é especial :)

Um beijo carinhoso no seu coração iluminado ;*

BANDEIRAS said...

Afinidade...coisa difícil de se encontrar hoje em dia, ando atrás disso...
Bjs

 
Pensamento Nosso - Wordpress Themes is proudly powered by WordPress and themed by Mukkamu Templates Novo Blogger