Lembrança de infância



Pois é, mais uma semana que se vai...e olha que nessa fiz um milhão de coisas...a impressão é que faltam dias e sobram tarefas!
Mas, vamos ao que interessa...

Essa semana fui comprar o material escolar do meu filho.
Esse é o martírio dos pais, né...Janeiro é o mês dos gastos: IPVA, matrícula e mensalidade escolar, uniforme (que por sinal quase tive um treco com o valor!!!!!), material escolar e ainda de quebra, gasto com uns dias de férias, pois ninguém merece ficar Janeiro inteiro sem folga.
Mas, como não tem jeito, temos que ir sempre atrás do mais barato.
É o que faço...sou daquelas que antes de comprar, faz muita pesquisa...então, antes de ir a uma papelaria, podem ter certeza que já fiz o orçamento ao menos em 3.
Tirando essa parte do gasto, confesso que ADOOOOOOOORO comprar material escolar, riso. Pareço criança, fico louca ao entrar numa papelaria, quero levar tudo.

Lembro de quando era criança...ficava eufórica quando no começo de ano pegava a lista e minha mãe coitada, desesperada, pois não tinha dinheiro.
Acho que gosto tanto assim até hoje de material escolar, porque na minha época de criança, minha mãe nunca podia comprar o que eu queria...aquele caderno de capa bonita, aquela mochila, aquelas tintas e...ahhhh, aquelas caixas maravilhosas de lápis de cor.
Sim, eu era e sou apaixonada por lápis de cor!!!!!!
Quando a Faber Castell lançou aquela caixa com 36 e 48 cores, eu enlouqueci....passava em frente as papelarias e ficava olhando, olhando, desejando tanto uma caixa daquelas.
Minha mãe não pôde comprar quando veio a lista, porque fora eu, tinha meus outros 3 irmãos com suas listas também.
Nas escola ficava olhando as minhas amigas que tinham essas caixas e ficava triste, porque eu não tinha.
Mas eu sempre soube entender...minha mãe nos educou assim: tem coisas que podemos ter e outras não...e deveríamos agradecer por aquilo que tínhamos e buscar conseguir um dia, de forma honesta, aquilo que queríamos.
Dai, lembro que quando eu ia fazer aniversário, pedi pra ela de presente uma caixa de lápis de cor. E ela me deu. Nem sei até hoje o que ela teve que deixar de comprar, pra me dar aquela caixa (na época não custava tão baratinho assim, era lançamento); mas vocês não podem imaginar a minha felicidade!
No outro dia cheguei na escola e toda cheia de orgulho, tirei minha caixa de lápis da mochila.

Olhando com olhos de adulta, parece uma coisa boba de criança, mas aquilo pra mim foi tão importante, que essa lembrança me acompanhará pra vida inteira.
E até hoje, quando pego uma caixa de lápis de cor nas mãos, acaricio, sorrio e aquela lembrança de felicidade volta.
Hoje posso comprar quantas caixas de lápis de cor quiser, pra mim, pro meu filho (graças a Deus), mas quando me perguntam qual o melhor presente material que já ganhei, falo que foi essa caixa de lápis de cor.
Lembranças deliciosas de infância...



sexta-feira, 18 de janeiro de 2008

12 Comments:

Marco said...

Meu Deus!

Basta ficar um tempinho longe pra tudo mudar... Lindo o novo layout Edna! Parabéns!!!

Bom demais esse iniciozinho de ano às voltas com a escola não? Ruim é encara os gastos no fim do mês! risos...

Saudades minha querida!

Beijos

Margarete said...

Nossa, aquelas caixas de lápis de cor eram tudo de bom! Eu também ficava babando nas caixas dos colegas que tinham mais posses, eram maravilhosas...
Esse ano estou preguiçosa, deixei a lista na papelaria e só volto para pegar o material e pagar, se bem que muita coisa do ano passado será reutilizado. Mudei as meninas de escola no segundo semestre, de novo, e tive que comprar um monte de coisa que ainda dá para usar esse ano.
Ah, já estou melhor, obrigada.
Beijinhos

Girassol said...

Em Portugal os pais passam pelo mesmo sufoco, a diferença é que é em Setembro. Janeiro é mais complicado, porque o Natal ainda passou há pouco tempo. =)

Querida, eu vou estar em São Paulo até Domingo. Depois vou viajar para outros locais, e no final da semana devo regressar a São Paulo, pois dia 29 embarco de volta para Portugal.
(Pequeno aparte: algo me diz que esta é a primeira de muitas vindas ao Brasil, então, não tem problema pois ainda nos encontraremos. Seja agora ou depois... =) )

Beijos.

Carmim said...

Comentei com o link do antigo Blog, ai ai ai, ainda ando baralhada com a Flor e a Cor.. rs!

Beijos.

BABI SOLER said...

Quando eu era crinça adorava comprar o material só para escolher as capas de caderno e canetas coloridas.

Era uma diversão, mas no meio do ano letivo já tinha enjoado do material e queria só esperar as férias,rsrsrs

Bom final de semana!

luma said...

Ah!doro o cheiro de giz de cera! Beijus

NETMITO said...

Sinto do teu leve sopro a certeza do meu amar...)*

titolivio.zip.net said...

Como era gostoso o retorno as aulas com o material novinho...Mas não era fácil !!!

Fabiola said...

Nossa eu lembro desta caixa de lapís de cor
EU amo material escolar

Critical Watcher said...

Admito que me emocionei com a sua lembrança. Parece-me ser uma pessoa muito boa. Não são todas as pessoas que aceitam a situação de seus pais. Cobram, brigam, querem sempre mais e mais. Estou maravilhado com a simplicidade de suas palavras. Nunca imaginei que uma caixa de cores da Faber Castell pudesse me sensibilizar a tal ponto. Parabéns, Edna. ;)

Edson Marques said...

Tuas lembranças também me trouxeram as minhas...

Que bom!


Gostei dos teus comentários deixados no blog Mude.


Abraços, flores, estrelas...

Rosi said...

Menina
Eu adorei esse texto nostálgico.
Eu não tenho filhos, mas tenho um monte de sobrinhos e sempre contribui no material escolar deles. Ainda não fui às compras esse ano, sou sair de férias e a próxima tarefa é essa, ai, ai, ai.
Bjs e boa semana.

 
Pensamento Nosso - Wordpress Themes is proudly powered by WordPress and themed by Mukkamu Templates Novo Blogger