Poema: J. G. de Araújo Jorge




















Title: Endless Love
Alfred Gockel


O Verbo Amar

Te amei: era de longe que te olhava
e de longe me olhavas vagamente...
Ah, quanta coisa nesse tempo a gente sente,
que a alma da gente faz escrava.

Te amava: como inquieto adolescente,
tremendo ao te enlaçar, e te enlaçava
adivinhando esse mistério ardente
do mundo, em cada beijo que te dava.

Te amo: e ao te amar assim vou conjugando
os tempos todos desse amor, enquanto
segue a vida, vivendo, e eu, vou te amando...

Te amar: é mais que em verbo é a minha lei,
e é por ti que o repito no meu canto:
te amei, te amava, te amo e te amarei!


J. G. de Araújo Jorge - Bazar de Ritmos- 1935

quinta-feira, 6 de setembro de 2007

17 Comments:

markus said...

Verbo amar o motor da vida, lindo o teu poema, parabéns.***

Simone said...

vim procurar dicas para o feriado, hehehe estou mal acostumada

Margarete said...

Hummm, acho que já vi esse poema...(riso). Lindo!!

Será amanhã....

Fabiola said...

lindo!!!!
Brabo!!!

Girassol said...

Sem tempo para comentar o poema belíssimo, estou passando apenas para te convidar a vir conhecer melhor Portugal.. =))

Beijo.

Edna Federico said...

Ai, Si...minha semana foi tão corrida, não tive tempo de fazer o post das dicas de fim de semana, sorry.

Edna Federico said...

Margarete, depois me conta como foi...beijo

Jota said...

Caraaamba, Edna, acabei de ler o "Sons"! H� tempos eu n�o punha os olhos em algo t�o arrebatador! Que bem escrito! Me segurou pela roupa e me puxou pra dentro dele, o texto!

Valeu pela simpatia e pelo link!

Quanto ao desafio do antepen�ltimo post, eu sou de Natal, mas faz quase quatro anos que n�o moro mais l�. Sei que algumas coisinhas mudaram e eu n�o tenho mais autoridade pra falar daquela cidade. E quanto � minha nova cidade, a Babi Soler aceitou o desafio e eu acho que ela tem mais cacife que eu pra falar de Bras�lia, com mais tempo de Planalto Central que eu. Mas a gente pode sempre unir for�as e fazer um trabalho mais completo.

Com uma boa dose de parcim�nia e crit�rio, pode rolar, sim.

Uns beijos!

Simone said...

tudo bem! é muita folga minha mesmo, rs

bjs e bom feriado

Carol Montone said...

Nossa linda concordo tanto com o poema que simplesmente tenho um muuuito parecido com a última estrofe: "te amo, amarei e amaria amando porque gerundio de amor é o único que me basta"...
super beijo e um ótimo feriado
Carol Montone

Edson Marques said...

Que belo poema!


Se puder leia o meu "Te amo".


Abraços, flores, estrelas..

.

Rosana said...

Edna
lindo poema...
eu faço domingo 12 anos de casada e fiz em agosto 15 anos de namoro...
o Amor é lindo!!!

Carol said...

Amei o poema!
Lindo demais!!!

beijos

Cin said...

Lindo!
Bom feriado!

Bina Goldrajch said...

Nossa, que lindo...


romântico. =)

SACANITAS said...

esse eh lindo, sei de cabeca desde pirralha :)

coisa boa a gente nao esquece neh

beijoca
.
.
.

hashmalim said...

Gostei do aquarela pena que não esta em formato A4, a poesia:

-"O Verbo Amar"

E perfeitamente colocado todo o bom senso, nesses tempos conjudos:

-"te amei, te amava, te amo e te amarei!"

Como sempre seus post com asuntos bem pertinentes...

Beijos

 
Pensamento Nosso - Wordpress Themes is proudly powered by WordPress and themed by Mukkamu Templates Novo Blogger