TPM


Bom dia!


Resolvi escrever sobre um tema que é muito discutido por homens e mulheres.
Como se não bastasse a mulher ter que sangrar alguns dias por mês, contrariando toda nossa evolução, isso ainda vêm acompanhado da maldita TPM!
Tem umas que sofrem mais, outras sofrem menos, mas é um saco...dor de cabeça, dor nas costas, dor nos seios, inchaço, mau humor.
Tem aqueles casos extremos, de mulheres que realmente precisam de tratamento, pois passam muito mal.

Eu, que já sou meio intolerante com burrice no meu dia-a-dia, confesso que nessas épocas fico mais intolerante ainda, riso.
E não é só com burrice, pequenas coisas acabam me irritando, coisas que nos outros dias passam batido, levo numa boa e com bom humor, porque graças a Deus humor é o que não me falta...quer dizer, quando não estou de TPM, hehehehehehe.
Odeio ficar repetindo as coisas, isso me irrita profundamente.
Nesses dias costumo falar para meu marido ficar meio longe, relevar...ele já sabendo que pode sobrar, nem fala muito comigo, coitado, riso.
O cúmulo da minha neura em dias de TPM foi uma vez, há alguns anos e a vítima claro, foi o maridão!
Tínhamos marcado de fazer compras de supermercado após o trabalho. Eu sou muito pontual nos compromissos e gosto que sejam comigo também, mas digamos que pontualidade não é o forte do meu marido. Sempre soube disso, acabei aceitando que isso faz parte de sua personalidade, mas esqueço dessa minha tolerância quando estou nesses dias. Pois ele acabou chegando atrasado aquele dia e eu lá, pronta, esperando.

Já estava fervendo, brava mesmo e quando ele abriu a porta, lancei aquele olhar de derrubar prédio, sabe?
Comecei a falar um monte...falei, falei, falei e ele nem retrucava direito, pois sabia que ia ser pior. Quando fiz uma pausa, ele falou: "vamos?"
Pronto...bastou...voltei a falar um monte e disse que não ia mais, que já era muito tarde e patati, patatá.
Bom, resumindo, ele foi pro quarto, tirou a roupa e quando apareceu na sala de short, camiseta e chinelo, eu quase surtei...riso...perguntei: "por que você trocou a roupa???? eu aqui pronta pra ir e você vai e troca de roupa?"
O coitado me olhou como se estivesse vendo um ET e falou: "você está louca????? disse que não queria ir mais."
E eu bufando e entredentes: "nem sempre o que se diz, é o que realmente é".
Ele fechou os olhos, respirou, não falou nada....entrou no quarto, colocou novamente a roupa e fomos ao mercado!
Hahahahahahahahaha, ai gente, tudo bem, surtei mesmo, totalmente louca. Ele foi um santo, deve me amar muito mesmo...até eu fiquei me achando uma toupeira insana naquele dia.
Nunca mais aprontei uma dessas, vi que tinha exagerado, mas continuo com as minhas intolerâncias.

Homens, podem fazer seus comentários, vou adorar saber da visão masculina. Mas, antes de descerem a lenha, gostaria que vocês entendessem que TPM é um tormento, é incontrolável, são os hormônios fazendo uma verdadeira revolução dentro do corpo feminino. A gente chora por tudo, ainda mais quando queremos colocar uma roupa justa e por causa do inchaço ela não entra legal...a gente também chora porque tem vontade de comer chocolate, come e depois se arrepende porque sabe que vai engordar! E quando tem uma festa pra ir e nasce uma bruta espinha bem no meio do rosto?????? Ai que choramos mesmo, de raiva!
E outra coisa, ODIAMOS quando surtamos, escutar vocês falarem: "xiiiiiiiiiii, está na TPM."
Isso é motivo pra assassinato!!!!

Então, relevem e nos amem do mesmo jeito, porque nos outros dias do mês, somos uns amores!


quinta-feira, 17 de maio de 2007

11 Comments:

Bia said...

hahahahahahahahahahaha...o pessoal aqui tá achando que pirei, pois não paro de rir.
Ai, amiga, toupeira insana é demais! Não dá pra imaginar vc, toda centrada dando uma de louca.
Mas, nem me fale de TPM...nooossa, eu tb fico parecendo uma leoa, riso, coitado do meu marido....choro feito uma condenada e por nada.
Beijos...

Cinthia said...

Vi o seu link em outro blog e vim aqui conhecer, gostei muito!
TPM é um caso sério, a gente parece que fica meio doida mesmo.
Beijo

Edna Federico said...

Bia...hehehehehehe, pois é também tenho meus momentos de loucura.

Cinthia...seja bem-vinda e fico feliz que tenha gostado do blog

vento sem direção said...

eu não fico mais louca do que já sou habitualmente. A diferença é que quero ficar quieta no meu canto e não ouvir a voz de ngm. Quando alguém me chama eu quero morrer. Dá uma raaaaiva. Mas eu não demonstro, claro.

Renato Bueloni Ferreira said...

Vou dar o palpite masculino. Acho que homem tem que encarar da seguinte forma: paciência, muita paciência e aguentar. Afinal isto faz parte da vida. Eu encaro desta forma, tento ser mais tolerante e escuto as reclamações com calma. Sempre passa.

Depois de explico como por vídeo no blog.

Helena said...

Marido com paciência pra TPM é prva de amor mensal. Essa danada incomoda mesmo, transforma a gente. Cruzes!!
Beijos, Helena (unidas)

Edna Federico said...

Eita que o assunto rende mesmo, hein!

Helena, realmente é prova de amor, se o homem aguentar, ele passou. E se forem espertos, ficam o mais longe possível de nós, nos deixando bem quietinhas, né Simone?

Renato, parabéns, pelo jeito você já passou no teste, riso! Ah, legal, vou esperar sua ajuda.

rosana said...

Fofs
eu em casa sou bem mais moderada... quem tem TPM lá é meu maridex... rs
Porem quando estou cansada , e preciso dormir... e ninguem colabora com meu momento zen.. ai eu viro a JUMA...rsrsrsrssr

Edna Federico said...

Ro, fofslete...com sono nem tanto, mas me deixe com fome...vixi...falo para meu marido, nunca me deixe sem comida, hehehehe.

Eduardo said...

riso...muito engraçada essa sua história. Minha mulher com TPM fica insuportável...só amando muito mesmo!

Anônimo said...

Bem o assunto é serio, apesar de ter rido muito quando li. Me identifiquei com a toupeira insana, mas o curioso é que não me dava conta que tinha tpm, e fiquei lembrando das discussões homéricas com meu marido e Bingo! Foram sempre alguns dias antes de menstruar.

 
Pensamento Nosso - Wordpress Themes is proudly powered by WordPress and themed by Mukkamu Templates Novo Blogger